O presidente da Académica, José Eduardo Simões, reiterou hoje, durante a tomada de posse dos novos órgãos sociais, que o desejo da direcção é fazer melhor para manter o clube entre a elite do futebol português.

«Queremos sempre uma Académica de primeira e a determinação é fazer melhor para trazer mais adeptos ao estádio», começou por dizer o dirigente, no discurso da tomada de posse do seu terceiro mandato.

Sublinhou que a futura direcção vai trabalhar nos próximos três anos em prol dos associados (a maior riqueza da Académica), para que o clube se afirme no futebol profissional, na formação e também no futsal.

Como meta para a próxima temporada, José Eduardo Simões realçou que irão ser contratados cerca de 10 novos jogadores para suprir as saídas e para tornar «a equipa mais competitiva nas diferentes provas em que irá participar».

Diz-se receptivo a negociar com todos os clubes para a vinda de novos atletas e, em relação ao novo treinador, Pedro Emanuel, as expectativas são as melhores.

Revelou ainda que o estágio da equipa profissional decorrerá a partir do dia 11 de Julho, ao que tudo indica no Centro de Estágios do Luso.

O novo presidente da Assembleia-Geral, Fernando Oliveira, reconheceu com apreço o trabalho desenvolvido pelo seu antecessor, Paulo Mota Pinto, empossou todos os membros dos novos corpos sociais saídos das eleições do passado dia 7 de Junho e desejou os maiores êxitos para a Académica.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.