José Mendes, presidente da mesa da Assembleia Geral, começou esta quinta-feira a cerimónia de tomada de posse de Pedro Proença como novo presidente da Liga de Clubes, no Porto, apresentando os elementos dos Órgãos para formalidades de assinatura.

Depois, chegou a vez do novo presidente da Liga subir ao palco e falar para os vários dirigentes presentes na sala.

“Apresento-me humildemente perante vós, grato pela confiança que os clubes depositaram em mim. Antes de mais quero agradecer ao meu antecessor, Luís Duque. Em mais de três décadas de história, a Liga de Clubes passou por dificuldades mas muito foram os presidentes que tentaram garantir a sustentabilidade e o sucesso do negócio do futebol. Esta equipa tudo fará para dignificar os valores e profissionalismo do futebol”, disse, esta quinta-feira, Pedro Proença.

“Estamos no meio de uma encruzilhada, num modelo voltado para o negócio, e precisamos de atrair público e parceiros. Estes são os indicadores da crise. Afirmo que os desafios que enfrentaremos são reais e não serão fáceis de ultrapassar, mas quero assegurar-vos que tudo iremos fazer para os resolver. Não queremos o conflito”, acrescentou.

Pedro Proença falou ainda de um “modelo justo e transparente na distribuição das receitas”, assim como na “introdução novas tecnologias”.

“Queremos mais público e mais patrocínios. Juntos seremos capazes de enfrentar este desafio. Vamos criar uma nova Liga de Clubes. O êxito do futebol português depende de todos, parceiros e clubes. Aquilo que prometo é que iremos trabalhar em prol de um objetivo comum”, referiu.

Por fim, o novo presidente quer que “todos os clubes se unam” em prol de uma Liga mais transparente.

A cerimónia teve lugar na sede do organismo, tendo tomado também posse os restantes órgãos sociais (Mesa da Assembleia Geral, Conselho Fiscal e Conselho Jurisdicional) para o quadrigénio 2015-2019.

O antigo árbitro sucedeu no cargo a Luís Duque, ao vencer as eleições com 32 votos, contra 23 do seu antecessor, fruto do apoio de 12 dos 18 clubes da I Liga e oito da II Liga.

Os Órgãos eleitos são:

PRESIDENTE DA LIGA:
Dr. Pedro Proença de Oliveira Alves Garcia

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL:
Presidente: Prof. Doutor José Fernando Gomes Mendes
Vice-Presidente: Dr. Alberto Santos
Secretário: Dr. Carlos Vasconcelos
Secretário: Dr. Rui Pedro Neves da Costa Azevedo

CONSELHO FISCAL:

Presidente: Dr. Carlos de Jesus Pinto de Carvalho
Vice-Presidente: Prof. Doutor Fernando José Oliveira
Vogal: Dr. António Gerardo Pinheiro de Oliveira
Vogal: Dr. Paulo Fernando Pimenta Machado
Vogal: Dra. Marta Filipa Ramos Mendes
Suplente: Dr. José Carlos Faria Matos
Suplente: Dr. Filipe Pato Veiga de Oliveira

CONSELHO JURISDICIONAL:

Presidente: Juiz Conselheiro Américo Joaquim Pires Esteves
Vogal: Dr. Ricardo Jorge Fernandes Guedes da Costa
Vogal: Dr. Paulo Rafael Falcão Moreira Lopes
Vogal: Dr. João Orlando Vieira de Carvalho
Vogal: Dr. Brito António Rodrigues Salvador
Vogal: Dr. Gonçalo de Almeida Correia da Silva
Vogal: Dr. Miguel Ângelo Machado Mendes
Vogal: Dr. José Paulo Fardilha Gomes da Silva
Vogal: Dr. Paulo Sérgio Sousa e Santos Moreira Fernandes
Vogal: Dr. João Manuel do Nascimento Faria Gayo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.