O Arouca vai receber o FC Porto a 13 de setembro no Municipal de Arouca, e não em Aveiro como aconteceu na última jornada fente ao Benfica. A garantia é dada pelo próprio presidente do clube de Arouca, que justifica a mudança de política pela ausência dos emigrantes que ajudaram a lotar o Municipal de Aveiro na receção ao bicampeão nacional.

"É praticamente certo que o jogo vai ser em Arouca. A decisão está quase tomada, até porque há pouco tempo para decidir!", afirmou Carlos Pinho, citado pelo jornal A Bola.

"Se jogarmos em Arouca é, principalmente, porque já não temos cá os nossos emigrantes e as coisas ficam mais pacíficas. A receita ajuda, mas fomos a Aveiro para garantir lugar a todos os adeptos", acrescentou o dirigene arouquense.

"Acho que vamos ter uma boa casa. É um clube grande, tem jogadores sonantes e isso atrai sempre mais gente». Se necessário, haverá a possibilidade de montar uma bancada amovível", sentenciou Carlos Pinho.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.