Sérgio Oliveira já tinha contrato profissional e estendeu-o para o limite de três anos, o máximo permitido pelos regulamentos da FIFA para jogadores menores de idade.

O jovem médio tornou-se conhecido em Outubro, quando, com 17 anos e quatro meses, se tornou o mais jovem jogador da história a ser titular num jogo oficial do FC Porto, quando defrontou o Sertanense, em jogo da Taça de Portugal.

"Fico muito feliz por saber que o FC Porto está a fazer uma grande aposta em mim e tudo vou fazer para justificar a confiança que o clube deposita no meu trabalho", disse o jogador após a renovação.

"O caminho ainda é longo, sei que tenho que ter paciência e trabalhar bem para atingir o sucesso que todos os portistas desejam. É por isso que este novo contrato só me traz mais vontade de trabalhar para alcançar os objectivos que tracei em conjunto com o clube. Sei que a responsabilidade aumenta e só posso corresponder com muito trabalho", acrescentou o jogador, que também é internacional sub-17.

Sérgio Oliveira joga no FC Porto desde os nove anos e é apontado como um dos mais promissores jovens jogadores do futebol português.

Com 1,81 metros de estatura e 72 kg de peso, joga a médio, podendo alinhar tanto na posição seis, como na posição oito.

Sócio do FC Porto desde que nasceu, por intermédio de um tio que fez questão de o inscrever no clube azul-e-branco, Sérgio Oliveira foi contratado aos nove anos ao Paços de Brandão por mil euros, com o tio a ser mais uma vez decisivo para os dragões ganharem a corrida ao Sporting, que também estava interessado no jovem jogador. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.