A visita do Sporting ao Santa Clara abre na sexta-feira a 17.ª jornada da I Liga de futebol, com os 'leões' a poderem assegurar a liderança provisória isolada, em ronda de dúvidas para o FC Porto.

Cabe ao campeão nacional o pontapé de saída na última ronda da primeira volta, a partir das 17:30 nos Açores, mais uma hora no continente, na expectativa se os 'dragões' irão no sábado a jogo, face ao surto de covid-19 no Estoril Praia.

Em São Miguel, o Sporting, invicto no campeonato, com 15 vitórias e apenas dois empates (Famalicão fora e FC Porto em casa), procura a 12.ª vitória consecutiva na competição, numa contínua demonstração de qualidade.

Para o embate com a equipa açoriana, em 15.º e apenas um ponto acima do lugar de 'play-off' de manutenção, Ugarte já deverá integrar a comitiva 'leonina', após ter estado infetado com o coronavírus, o central Feddal está recuperado de lesão e há expectativa também na recuperação de Porro.

Com desempenho semelhante ao Sporting, só o FC Porto, que continua a ter em dúvida o jogo de sábado com o Estoril Praia, face aos muitos casos de infeção com o SARS-CoV-2 entre jogadores e staff estorilistas.

No Estoril, quinto classificado na I Liga, já foram detetados cerca de 30 casos positivos na estrutura do futebol profissional, num surto que também afeta o plantel dos sub-23 e que poderá inviabilizar o jogo.

Em todo o caso, será sempre um encontro muito difícil para a equipa 'canarinha', que não vence há três jogos, empate e derrota na Liga e eliminação na Taça de Portugal, e tem pela frente um 'super' FC Porto.

Apesar de algumas baixas, as mais recentes de João Mário e Manafá, os 'dragões' atravessam uma fase muito boa e nos últimos compromissos 'despacharam' o rival Benfica na Taça de Portugal (3-0) e no campeonato (3-1).

Sporting e FC Porto têm já uma vantagem de sete pontos para o Benfica, que, no espaço de uma semana, ficou fora da Taça e viu ser cavado um fosso ainda maior para os rivais, além de acertar a saída do treinador Jorge Jesus.

Nélson Veríssimo subiu da equipa B para a principal, já na segunda derrota no Dragão, e no domingo terá o primeiro jogo na Luz, com a receção ao Paços de Ferreira, num momento em que dificilmente os adeptos perdoam qualquer deslize às 'águias'.

Grimaldo, que falhou o segundo jogo no Porto, deverá voltar, recuperado da infeção pelo coronavírus, num cenário que poderá também abrir a possibilidade de César Peixoto orientar os pacenses, se cumprido o período de isolamento.

O Boavista (11.º) recebe o Tondela (13.º) e o Vizela (12.º) é anfitrião do Moreirense (16.º) no sábado, enquanto, no domingo, o candidato 'europeu' Portimonense (sexto) recebe o Marítimo (nono), com vários regressos após infeção nos insulares.

Os algarvios estão a um ponto do Estoril e do quinto lugar de acesso à Europa, numa corrida de que também fazem parte Gil Vicente (sétimo) e Vitória de Guimarães (oitavo), que fecham, na segunda-feira (20:15), a jornada.

Na zona de aflição, o Belenenses SAD (18.º e último) recebe, no domingo, o Arouca (14.º) e o Famalicão (17.º) saiu do isolamento profilático, que adiou o jogo da anterior ronda, e visita no mesmo dia o Sporting de Braga (quarto).

Programa da 17.ª jornada:

- Sexta-feira, 07 jan:

Santa Clara -- Sporting, 18:30 (17:30 locais).

- Sábado, 08 jan:

Vizela -- Moreirense, 15:30.

Estoril Praia -- FC Porto, 18:00.

Boavista -- Tondela, 20:30.

- Domingo, 09 jan:

Portimonense -- Marítimo, 15:30.

Benfica -- Paços de Ferreira, 18:00.

Sporting de Braga -- Famalicão, 18:00.

Belenenses SAD -- Arouca, 20:30.

- Segunda-feira, 10 jan:

Gil Vicente -- Vitória de Guimarães, 20:15.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.