O Sporting solidarizou-se hoje com o futebolista maliano do FC Porto, Moussa Marega, e repudiou qualquer ato de racismo, depois de o avançado ter sido alvo de insultos em Guimarães.

Marega recusou-se a continuar a jogar no encontro do FC Porto em casa do Vitória de Guimarães, sendo substituído aos 71 minutos, por alegadamente ter sido alvo de insultos racistas por parte dos adeptos vimaranenses.

Leia o comunicado

“O Sporting Clube de Portugal vem por este meio manifestar a sua solidariedade com o jogador Marega do FC Porto e repudiar qualquer acto de racismo e preconceito social.

Os valores que o Sporting Clube de Portugal defende não se reveem neste tipo de comportamento e consideramos, mais uma vez, que as autoridades devem agir em nome de todos aqueles que pretendem elevar o desporto e a sociedade portuguesa.

Os acontecimentos desta tarde em Guimarães merecem toda a nossa atenção e preocupação e apenas em conjunto conseguiremos erradicar estas atitudes dos estádios em Portugal.

Ao jogador, todo o nosso apoio”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.