"O facto de o Leixões ter uma estrutura já formada de épocas anteriores pode dificultar a vida ao Benfica", assumiu Jesus, que no entanto prefere centrar-se no trabalho e questões dos encarnados. E o técnico adoptou a mesma filosofia quando lhe foi colocada a possibilidade de sair da 6ª jornada como líder:

"No Benfica temos de saber é ganhar os nossos jogos e então depois esperar pelos resultados dos outros. Equipa que se preocupa com os resultados dos outros esquece-se dela e os jogadores do Benfica estão concentrados no seu trabalho."

Perante a insistência, Jorge Jesus não adiantou muito mais mas lá deixou escapar que do dérbi no dragão espera um "bom jogo, de dois adversários fortes e dignos um do outro".

Jesus fez ainda questão de deixar uma mensagem aos adeptos, lançando o repto para que encham, uma vez mais, o estádio da Luz, "puxando pela equipa, mesmo que as coisas possam não vir a correr bem".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.