Em véspera de partir para estágio, em Quiaios, Figueira da Foz, o Santa Clara apresentou o plantel, constituído neste momento por vinte e quatro jogadores, após um jantar que contou com a presença de cerca de meia centena de sócios.

Para fechar o plantel faltam ainda três jogadores, nomeadamente, um avançado, um médio e um guarda-redes, que poderão juntar-se ainda ao restante plantel nos trabalhos de pré-época.

Das contratações para a próxima época já constam seis jogadores (Rodrigo Parreiras, Victor Alves, Tó Miguel, Ney, Silva Neto e Leandro Tatu).

Para Cruz Marques, presidente do Santa Clara, “não foram cometidos excessos”, com um orçamento planeado tendo em conta a situação financeira do clube.

“Mantemos o rigor financeiro, o orçamento é idêntico ao do ano passado, tivemos só alguns reajustamentos de ordem técnica”, vincou.

Cruz Marques sonha com a subida à primeira Liga, um desejo também partilhado pela restante direcção e jogadores bem como o capitão da equipa, Nuno Sociedade, que antevê “um ano de viragem rumo à primeira Liga”.

“As expectativas são muitas sobretudo pelo que foi feito na última época, jogadores e direcção estão com muitas expectativas. Este pode ser o ano de viragem rumo à primeira Liga”, disse o capitão da equipa de Ponta Delgada”.

O Santa Clara parte esta sexta-feira para o estágio em Quiaios, Figueira da Foz. Dos seis jogos particulares, cumpre dois este fim-de-semana, o primeiro no sábado frente ao Beira-mar e o segundo no domingo com o Tourizense .

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.