A sede do Académico de Viseu foi vandalizada e assaltada na madrugada de segunda-feira, deixando o clube sem equipamentos.
Os maiores prejuízos, que podem chegar aos 10 mil euros, centralizaram-se nos escritórios e lavandaria do emblema viseense.
«Não temos os equipamentos e algum material de apoio do clube foi levado pelos assaltantes. Até agora não temos suspeitos», disse o diretor executivo do clube da II Liga ao Mais Futebol.
José Monteiro disse que «foram partidos alguns vidros e levada uma impressora do escritório, que foi completamente remexido».
O Académico de Viseu joga, esta quarta-feira, com o Sporting da Covilhã, para a II Liga, e o clube está agora a contas com a falta de equipamentos para os jogadores.
«Agora, estamos mais preocupados em arranjar equipamentos. Estou neste momento na fábrica para ver o que se pode fazer. Pouco sabemos mais em relação a isto», acrescentou José Monteiro. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.