Amin Pishyar, vice-presidente do conselho de administração da SAD do Beira-Mar, disse que está focado em formar uma equipa para jogar na II Liga de futebol e não promete subida de divisão na próxima temporada.

Em conferência de imprensa realizada na quinta-feira em Aveiro, o administrador da SAD mostrou-se prudente: "Não vai ser fácil e não quero fazer falsas promessas, por isso, julgo que para o ano não podemos pensar na subida, dadas as circunstâncias complicadas em que nos encontramos."

O administrador acredita que "o mais importante foi concretizar a inscrição na Liga e os jogadores receberem o seu dinheiro" e está "otimista para começar a preparar a nova época esta segunda-feira".

"Os problemas vão surgir todas as semanas, mas quisemos dar a cara e tranquilizar os adeptos, pois queremos acreditar que vamos ter jogadores capazes e motivados para fazer uma boa temporada", acrescentou.

Este dirigente mostrou-se, contudo, "desiludido com algumas pessoas de Aveiro" e frisou que ponderou "não continuar nesta aventura", pois sentiu que "o esforço da família Pishyar para salvar o clube em dois momentos críticos não foi reconhecido".

Pishyar referiu também que foi difícil lidar com as "tentativas de acabar com o clube", que disse terem vindo "não só de pessoas da cidade que se tornaram credores, mas também de clubes rivais que tentaram manipular os atletas do plantel para dificultar o acordo".

O administrador acusou também o ex-presidente da SAD Omar Scafuro de ser "falso e desonesto", dizendo: "Ele é sobretudo um bom ator, porque consegue convencer as pessoas, mas nunca honrou os seus compromissos."

"Na altura pensei que ele fosse a melhor solução para o clube, devido ao seu percurso e ao facto de estar ligado a empresas que podiam ser um bom patrocínio, mas seguiram-se mentiras e trafulhices com documentos falsos e cheques sem cobertura", disse.

Aquele administrador acrescentou: "Só nos encontrámos pessoalmente três ou quatro vezes: no primeiro encontro apertei-lhe a mão e no último dei-lhe um murro, numa discussão no estádio que algumas pessoas puderam assistir."

Amin Pishyar concluiu, agradecendo o apoio do presidente do clube, António Cruz, que diz ter sido "apoio importante nesta altura complicada" e a quem reconhece "grande amor pelo Beira-Mar e enorme paixão pelas cores do clube".

A SAD aveirense espera agora pela validação da inscrição do clube na II Liga de futebol, decisão que vai revelada na segunda-feira por parte da Liga de clubes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.