Bruno Pinheiro, treinador do Estoril, interessa ao Besiktas, mas os 'canarinhos' não parecem dispostos a facilitar a saída do treinador que tão boa conta tem dado de si ao leme da equipa.

Segundo a imprensa turca, o português, de 45 anos, integra a lista final de hipóteses para o cargo de treiador principal do Besiktas, o que terá mesmo já sido confirmado por Ceyhun Kazancı, diretor geral do clube de Istambul.

De acordo com a edição desta quarta-feira do jornal 'A Bola', o emblema turco já encetou contactos no sentido de perceber em que condições poderia garantir o técnico e Bruno Pinheiro até terá mostrado vontade de aceitar o desafio, perante o salário anual na ordem dos 600 mil euros que lhe foi proposto e face à dimensão do clube de Istambul, mas o Estoril não quer abrir mão do seu treinador, que terá uma cláusula de rescisão fixada nos 350 mil euros.

Bruno Pinheiro, que já trabalhou no estrangeiro, nos escalões de formação do futebol do Qatar e como treinador adjunto da formação belga do Eupen, assumiu o leme do Estoril no início da temporada de 2020/21, levando o clube da Amoreira á conquista da II Liga e à consequente promoção ao escalão principal onde, esta temporada, ocupa o 5.º lugar. Ao todo, em 60 jogos como treinador principal do Estoril, Bruno Pinheiro venceu 34 e só perdeu dez.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.