O treinador do Santa Clara, Bruno Moura, recomendou hoje aos seus jogadores que não facilitem sábado na recepção ao Desportivo de Fátima, em jogo antecipado da 12.ª jornada da Liga de Honra de futebol.

A circunstância do próximo adversário dos “encarnados” de Ponta Delgada se encontrar na última posição da tabela classificativa é “um engano”, tratando-se de uma equipa “difícil”, sublinhou o técnico do Santa Clara, sétimo classificado, com 14 pontos.

Para o jogo com o Fátima, com início às 16h00 locais (17h00 de Lisboa), no Estádio de S. Miguel, Bruno Moura não dispõe apenas de Platini, que recupera de uma lesão.

Questionado sobre eventuais novas contratações do Santa Clara, o treinador sublinhou o seu empenho em “potenciar” a equipa, “ainda em fase de crescimento”.

Disse também que o plantel tem revelado “qualidade de jogo”, embora tenha admitido que na fase actual do campeonato “esperava ter mais pontos”.

Na preparação do Santa Clara-Fátima, que será dirigido pelo árbitro Jorge Ferreira, de Braga, a equipa açoriana debateu-se com dificuldades decorrentes do mau estádio dos campos em que treina devido às chuvas intensas registadas nos últimos dias na ilha de São Miguel.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.