O golo de Calé, aos 85 minutos, deu o empate à formação da casa, num encontro em que Castanheira e Carlos Pinto deram vantagem aos visitantes, que somaram o sexto jogo consecutivo sem saborear o triunfo.

Num primeiro tempo bem jogado pelas duas formações, foi o Chaves a adiantar-se no marcador, logo aos dois minutos, por intermédio do experiente Castanheira, ex-jogador do Sporting de Braga.

O Estoril tentava responder com transições rápidas, mas a ineficácia ofensiva não criava problemas à equipa visitante, que se mostrava sempre muito perigosa no ataque à baliza de Paulo Santos, embora sem criar situações claras de golo.

Aos 27 minutos, o árbitro assinalou grande penalidade a favor dos estorilistas, por derrube de Danilo a Calé, mas Lulinha rematou fraco e permitiu a defesa tranquila ao guardião Rui Rego.

O penálti falhado mexeu com as emoções da formação “canarinha”, que em poucos minutos permitiu algumas incursões perigosas do adversário, antes de Carlos Pinto, aumentar a vantagem transmontana, aos 31.

Quando se esperava que o Estoril caísse de produção e se deixasse levar pelo resultado negativo, foi Raphael quem “puxou” a equipa para cima, num exemplar livre directo, que deixou Rego pregado ao chão.

No segundo tempo, as duas equipas mantiveram a tónica e continuaram em busca dos três pontos, com a bola a rondar com perigo as duas áreas, numa mão cheia de ocasiões para as duas formações.

Já com dois pontas-de-lança, o Estoril começava a bombear bolas para a área do Chaves, em busca do poderio físico do camaronês N’Jock, mas o perigo só aparecia quando os cruzamentos saíam das alas.

Nos instantes finais, os estorilistas tomaram conta do encontro e beneficiaram com a entrada de Filipe da Costa, ex-Nacional da Madeira, que, aos 85 minutos, desmarcou Antchouet e este assistiu Calé para o tento da igualdade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.