O Desportivo de Chaves, da II Liga, foi hoje condenado a disputar um jogo à porta fechada, pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por comportamentos discriminatórios.

Em comunicado, o CD da FPF anunciou o castigo à formação transmontana, devido ao ocorrido no jogo entre o Desportivo de Chaves e o Freamunde, da 20.º jornada da II Liga, em 21 de dezembro de 2014, pela infração de um artigo que pune “comportamentos discriminatórios em função da raça, religião ou ideologia”.

Além do jogo à porta fechada, nesta decisão passível de recurso ao Conselho de Justiça da FPF, o Desportivo de Chaves foi ainda condenado a pagar uma multa de 7.140 euros.

O referido encontro, disputado no Estádio Municipal Eng.º Branco Teixeira, em Chaves, terminou empatado 1-1, tendo Luís Pinto dado vantagem aos anfitriões e Freamunde empatou por intermédio do ‘suplente’ costa-marfinense Dally, que viria a ser expulso por ter baixado os calções, virando-se de costas para os adeptos flavienses.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.