O Desportivo de Chaves venceu hoje por 2-1 o Rio Ave, num jogo em atraso da 17.ª jornada da II Liga de futebol entre candidatos à subida, e ficou a apenas um ponto da liderança.

Os vila-condenses entraram melhor no desafio, que começou com 45 minutos de atraso, às 18:45, devido a um problema na iluminação do estádio.

Fruto de maior capacidade em ter bola, o que obrigou o Chaves a procurar as transições, os visitantes estiveram perto de marcar por Pedro Mendes, que falhou uma ocasião flagrante, aos 11 minutos, só com Paulo Vítor pela frente.

A partir dos 25 minutos, os transmontanos ganharam ascendente, conseguiram jogar no meio-campo contrário e as oportunidades e golos surgiram.

Aos 30 minutos, Platiny falhou só com Jhonatan pela frente, mas aos 37, Campos serviu Wellington na área que finalizou para o 1-0, e, três minutos depois, o avançado brasileiro serviu Batxi que na área, de primeira, encostou para o 2-0.

Coube ao Rio Ave assumir o controlo do desafio durante a segunda parte, mas nem com as alterações as oportunidades surgiram em grande quantidade.

O encontro tornou-se menos interessante com os flavienses a defenderem o resultado e apenas a explorarem as transições.

O ‘aperto’ dos visitantes intensificou-se após a expulsão de Obiora, aos 71 minutos, mas apenas nos descontos, aos 90+5, Ronan reduziu através de canto e no último lance Patrick acertou no poste e falhou o 3-1.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.