O Varzim somou hoje o terceiro triunfo na II Liga de futebol, ao vencer na receção à Académica, por 2-1, em encontro da nona jornada, cujo resultado espelhou a entrada incisiva dos nortenhos.

Na Póvoa de Varzim, o avançado colombiano Leonardo Ruiz, aos oito minutos, e o defesa brasileiro Alan Henrique, aos 20, colocaram os ‘lobos do mar' em vantagem, amenizada com uma grande penalidade convertida por Zé Castro a favor da ‘briosa', aos 33.

O Varzim somou o quinto jogo sem perder e ascendeu ao sétimo lugar, com 13 pontos, enquanto a Académica manteve a 14.ª posição, com nove pontos, dois acima da zona de despromoção, perdendo pela quarta vez na prova.

Os poveiros não poderiam esperar melhor início, inaugurando o marcador logo aos oito minutos, com George Ofosu a assistir Leonardo Ruiz para o sexto golo na temporada.

A turma de Coimbra controlava a posse de bola, mas demorou a adaptar-se à postura acutilante dos pupilos de Paulo Alves em transição, cuja entrada desinibida voltou a ser premiada aos 20, na sequência de um canto de Minhoca, correspondido com o primeiro remate certeiro de Alan Henrique na II Liga.

A Académica despertou já com uma desvantagem de dois golos e Filipe Chaby obrigou o guarda-redes Serginho a aplicar-se, aos 23 minutos, mas não deixou de ficar exposta às transições rápidas do Varzim, como atestou nova jogada dos locais aos 28, em que George Ofosu ‘picou' a bola sobre Mica, embora Leonardo Ruiz tenha falhado a emenda ao segundo poste.

Numa falha de marcação dos anfitriões, aos 33, Chaby rematou contra o braço de Pedro Ferreira e conquistou uma grande penalidade convertida com facilidade pelo capitão Zé Castro, que assinou o segundo golo na II Liga, minimizando as diferenças antes do intervalo.

A formação de César Peixoto procurou intensificar o ‘assalto' à área poveira na etapa complementar, colocando Hugo Almeida e Donald Djoussé no ataque, mas diminuiu o discernimento com o avanço do relógio e nem sequer chegou a incomodar Serginho.

Aproveitando a solidez defensiva, o Varzim tentou eliminar a incerteza no marcador num livre de Chris Nduwarugira (70 minutos) e em investidas de Lumeka (88) e Stanley (90+2), travadas por Mika.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.