A transferência do defesa Bruno Alves para os russos do Zenit de São Petersburgo vai render ao Varzim, clube da Liga de Honra de futebol, 471 000 euros, valor que será liquidado ao clube poveiro em três prestações até 2012.

O emblema “alvi-negro” tem direito ao dinheiro devido aos direitos de formação do atleta, uma vez que Bruno Alves evoluiu nas equipas jovens varzinistas entre os 12 e os 18 anos, devendo os poveiros receber assim um pouco mais de dois por cento do valor total da transferência, fixada em 22 milhões de euros.

O facto da verba ser liquidada ao Varzim de forma faseada, prende-se com o acordo feito entre o FC Porto e o Zenit, com autorização da FIFA, para que o emblema russo pague o valor da transferência aos portistas em três tranches, nos próximos dois anos.

À medida que os “dragões” vão recebendo as prestações do Zenit, transferem para o Varzim a percentagem relativa aos direitos de formação do atleta.

O presidente do Varzim, Lopes de Castro, confessou à Agência Lusa que, “para as contas do Varzim, seria melhor receber os 471 000 euros de uma só vez”, mas reconheceu que “se trata de uma situação correctamente regulamentada, e não há nada a apontar na forma como foi tratada”.

Entretanto, esta verba do "negócio" do Bruno Alves fará parte do orçamento do clube poveiro para a temporada 2010/2011, nas contas que serão apresentadas aos associados na assembleia geral do próximo dia 24 de setembro.

Os números do orçamento para a época apontam para um milhão e 281 mil euros de receita e um milhão de euros de despesas, conferindo um saldo positivo que inverterá a tendência negativa dos últimos anos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.