Na última época, a Oliveirense lutou até á última jornada pela promoção ao escalão principal do futebol português. Mas, isso não significa que o discurso do treinador no arranque da nova temporada se desvie da rota trilhada nos últimos anos.

“Pensar que somos candidatos quando tínhamos 14 jogadores no primeiro treino é brincar ao futebol. Deixem-nos completar o plantel. É possível ganhar cada jogo e ter grupo de trabalho forte. Gostava de ter orçamento de milhões, mas pelo menos aqui os atletas podem contar que vão receber”, disse o treinador da Oliveirense, Pedro Miguel.

O presidente do clube lamenta que o plantel ainda esteja incompleto e culpa os empresários que “decidiram inflacionar os preços dos atletas sem que nada o justifique”. José Godinho percebe a angústia do treinador, mas já traçou os objectivos para a nova época.

“Somos o clube mais atrasado na preparação, mas nada nos impede de lutar pelos primeiros 10 lugares. Estamos com muitas dificuldades em contratar jogadores, porque as receitas na Liga de Honra são muito baixas. A médio prazo, ou esta prova passa a ter clubes do 8 e do 80 ou está em vias de extinção. Se nada for feito, a Liga de Honra pode baixar o nível competitivo e estar em risco”, disse José Godinho durante a apresentação do plantel para 2010/11.

A Oliveirense tem, nesta altura, 19 jogadores, sendo que, por entre os reforços destacam-se os nomes dos médios Rui Lima (ex-Hapoel Haifa - Israel), Ricardo Sousa (ex-NK Drava – Eslovénia) e do guardião Bruno Vale (ex-Belenenses). Apesar do discurso de contenção da equipa técnica o plantel já pensa em fazer melhor do que na última época.

“Posso considerar que dei um passo atrás para dar dois à frente ao vir para cá. Se for possível, quero ajudar o clube a fazer melhor do que na época passada, mas estamos com os pés bem assentes no chão”, disse Bruno Vale.

Aos três reforços mais sonantes juntam-se o guarda-redes, Bruno (ex-Tondela), o defesa Bruno Sousa (ex-Trofense), o médio Nuno Lopes (ex-Boavista), e os avançados Clemente (ex-Chaves) e Guima (ex-Académico de Viseu). Para fechar o plantel, o treinador Pedro Miguel ainda precisa de “três avançados, dois médios e um defesa”.

O médio Bru (Académica), que trabalhava à experiência no clube não faz parte do plantel da Oliveirense para a nova temporada.

A Oliveirense faz o primeiro jogo oficial a 8 de Agosto, com o Santa Clara, para a Taça da Liga. Até lá, tem agendado jogos de preparação com Gil Vicente (24 de julho, no Parque de Jogos de Cucujães), Vitória de Guimarães (26 de Julho, no Complexo Desportivo de Guimarães) e Aves (28 de Julho, no Fão).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.