O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Pedro Proença, manifestou hoje a “convicção” de que será possível implementar o sistema de videoárbitro (VAR) na II Liga a partir da próxima temporada.

No Estádio de Faro, onde marcou presença para assinalar o arranque da II Liga 2022/23, Proença revelou que a LPFP pretende alcançar esta época “os 350 mil adeptos” em jogos do escalão secundário, antes de revelar confiança na implementação do VAR no próximo ano.

“[Esperamos] Conseguir implementar o mais rapidamente possível o VAR na II Liga. Queremos acreditar e temos a convicção de que será uma realidade no próximo ano, algo que será importante na defesa da verdade desportiva e para premiar o investimento que os clubes têm feito”, disse o presidente da LPFP em declarações à Sport TV, antes do início do Farense-Torreense, o primeiro jogo da II Liga.

No início de julho, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) tinha informado que a implementação do sistema VAR na II Liga portuguesa, na época 2023/24, não está assegurado, revelando que ainda não tinha sido possível chegar a um acordo financeiro com a Liga de clubes sobre este tema.

Em relação à II Liga 2022/23, Pedro Proença disse esperar “mais uma edição com clubes organizados e com fortes investimentos, pelo que serão, certamente, 306 jogos com um nível muito elevado”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.