O treino do Sporting da Covilhã, da II Liga de futebol, contou esta quinta-feira com a presença de crianças e jovens que vivem na instituição Casa do Menino Jesus, a quem os jogadores e equipa técnica ofereceram presentes.

Davidson, Harramiz e Joel desafiaram os colegas de balneário e todo o grupo se mobilizou, cada um contribuindo com a verba que quis. Reunido o valor, compraram presentes adequados à idade de cada uma dos 31 jovens.

Enquanto os adolescentes da Casa do Menino Jesus se entretinham a jogar à bola, os mais novos agarraram-se ao pescoço de alguns jogadores assim que se aproximaram e não mais os largaram.

"Eu vivi na favela 20 anos. Nunca passei necessidades, mas vi muita coisa difícil. Isso faz-nos estar mais atentos", disse à agência Lusa o brasileiro Davidson, que teve a ideia de "por um sorriso na cara destas crianças".

Harramiz manifestou-se satisfeito por "com pouco, ajudar a distribuir, nem que seja um pouco, de felicidade", antevendo já outras ações, por entender que a solidariedade deve ser praticada não apenas no Natal.

Depois de parte do tempo de volta de uma bola, Tatiana, de 14 anos, também recebeu o seu saco, no seu caso com doces e bijutaria, "um gesto simpático", considera.

Natércia, de 16 anos, agradeceu aos jogadores, convidou todo o grupo a visitar a instituição e manifestou a sua vontade e das amigas em poderem ir assistir a um jogo.

"É bom saber que temos quem nos acarinha e se esforça por nos fazer sentir bem. Esperamos que venham visitar a nossa casa e que possamos ir ver um jogo vosso. Uma vez fui e saí de lá rouca. Tenham muita sorte na carreira e ganhem a Taça de Portugal", transmitiu a jovem.

Joel, sub-capitão, acredita que o clube vai tomar boa nota do desejo das 31 crianças e jovens, que também gostava de ver nas bancadas a apoiar os serranos, adiantando, inclusive, que os jogadores estão disponíveis para os levar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.