A Oliveirense, líder da Liga de Honra com 39 pontos, recebe, no domingo, em jogo da 23.ª jornada, o Feirense, que está a três pontos de distância.

Yero, avançado emprestado pelo FC Porto à Oliveirense, garante que a equipa está pronta para se manter no topo da classificação até ao fim e garantir a promoção.

«A subida está mais perto. O mais difícil já passou e estamos em primeiro lugar. É natural que pensemos na subida. Acreditamos que vamos subir, mas ainda há muito trabalho pela frente. Agora todos nos querem ganhar», disse Yero à Agência Lusa.

Na última época, o jovem avançado, igualmente emprestado pelo FC Porto, ajudou o Portimonense a subir à Liga, sendo que, "carimbou" essa promoção na última jornada no estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis. Esta época quer repetir o feito pela Oliveirense e já sonha em regressar ao "Dragão", no qual tem procurado inspiração.

«Sempre que vejo os jogos do FC Porto fico com uma enorme vontade de lá jogar. É o melhor clube português e tem sido a minha inspiração para quando entro em campo pela Oliveirense. Sinto que pertenço àquele clube. Se na próxima época ficar cá e na Liga não será mau, mas gostava de voltar», afirmou o avançado.

Na antevisão da partida de domingo frente ao Feirense, Yero garante que a Oliveirense vai querer repetir a vitória registada na primeira volta, quando venceu em Santa Maria da Feira por 3-2.

«O Feirense é uma equipa muito parecida com a nossa. Mas joga com os extremos muito por dentro para criar desequilíbrios. Mas, na primeira volta, conseguimos dar a volta a isso e acho que o vamos fazer de novo», garante o avançado oliveirense, que considera que na Liga de Honra «há pouco futebol e muita pancada».

O objetivo para esta temporada «era chegar aos 10 golos», mas o avançado apenas marcou quatro até agora. No entanto, admite que esta época tem sido de aprendizagem sob o comando técnico de Pedro Miguel, que entende ser um treinador capaz de se impor no principal escalão do futebol português.

«O Pedro Miguel merece estar na Liga. Eu dei um grande salto com ele. Ele consegue dar muita confiança a qualquer jogador e basta uma conversa para isso. Um jogador até pode estar no banco, mas entra para rebentar tudo. Em tom de brincadeira podemos dizer que é o Mourinho da Liga de Honra. Merece essa comparação», referiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.