A seleção de futebol de Cabo Verde regressa hoje à tarde ao Estádio da Várzea para iniciar os trabalhos de preparação para a receção ao Burquina Faso, em jogo para a segunda jornada de qualificação para o Mundial’2018.

Os “Tubarões Azuis”, nome por que é conhecida a seleção nacional de Cabo Verde, regressam à Várzea após uma ausência de mais de dois anos, num treino de recuperação dos jogadores, à porta aberta, uma estratégica do regressado selecionador Lúcio Antunes, de forma a fazer com que os cabo-verdianos reencontrem a sua seleção.

As restantes sessões de trabalho, de acordo com o plano da Federação Cabo-verdiana de Futebol, serão diárias no Estádio Nacional em Monte Vaca, na Achada de São Filipe, às 16:30, à exceção de sexta-feira dia 11, a realizar-se-á às 9:30.

Lúcio Antunes já fez saber que a equipa vai estar concentrada e que em relação às entradas e saídas de alguns jogadores da convocatória não irá sentir grande diferença, com o argumento que “os jogadores são muito iguais”.

Para Antunes, trata-se de uma nova convocatória para novos jogos, baseada numa nova preparação para um novo adversário, mas que a equipa vai entrar com “a mesma vontade de vencer, a mesma força interior e o mesmo espírito de grupo e de união de todos os cabo-verdianos” para poder levar de vencida Burquina Faso.

Descreve a equipa adversária como uma seleção “boa, poderosa e bem orientada”, mas vai avisando que, em casa têm “grande possibilidade de ganhar”.

Para isto, alerta que Cabo Verde terá de preparar bem todos os pormenores de jogos, saber o que fazer quando tem ou não a bola, estudar a estratégia de jogar do Burquina e preparar os treinos aos pormenores, os vídeos e a avaliação individual de cada jogador de Cabo Verde e de Burquina”, para que o combinado nacional regresse às vitórias.

Lúcio pede o apoio total do público, enquanto o 12º jogador, considerando ser importantíssimo para que Cabo Verde possa conseguir ganhar o jogo.

“Faço um apelo a todos para que continuem a acreditar nesta equipa, nestes jogadores, porque no passado recente fizeram coisas bonitas. Queremos continuar a fazer coisas bonitas para este país”, atesta.

O jogo Cabo Verde - Burquina Faso, referente à segunda jornada do Grupo D, será disputado sábado, 12, no Estádio Nacional, em Monte Vaca, e vai ser dirigido por uma equipa de arbitragem da Mauritânia.

No outro jogo deste grupo, a África do Sul recebe a equipa nacional do Senegal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.