A seleção da Guiné-Conacri vai ser adversária de Cabo Verde na final do Troféu Consolação, do torneio das Federações Oeste Africanas (UFOA), que decorre em Dakar, Senegal.

Os guineenses conseguiram o passaporte para a final depois de vencerem na quarta-feira, no Estádio Lat Dior, a Libéria por 1-0, em partida das meias-finais.

A final, que coloca frente a frente Cabo Verde e Guiné-Conacri, está marcada para este sábado, 12, no Estádio Lat Dior, onde tiveram lugar todas as partidas.

Cabo Verde qualificou-se para a final esta terça-feira, ao vencer a Gâmbia por 1-0, com golo do defesa central Madjer.

O "Troféu Consolação" é disputado entre as oito equipas que ficaram eliminadas na primeira fase da competição.

O torneio da UFOA tem a final marcada para 13 de outubro, entre o Senegal e o Gana, com um total de 22 jogos, disputados em 16 dias, em Thies, que fica a cerca de 90 minutos de Dakar (Senegal).

O modelo da competição assenta numa eliminatória, disputada pelos 16 países, através de sorteio, já efetuado, qualificando-se oito países para a segunda eliminatória, com os restantes oito países a disputarem um outro troféu denominado ‘Consolação’.

Participam na prova as seleções nacionais de Cabo Verde, Costa do Marfim, Benim, Burkina Faso, Gâmbia, Gana, Guiné-Bissau, Guiné-Conacri, Libéria, Mali, Serra Leoa, Mauritânia, Níger, Nigéria, Senegal e Togo.

A UFOA, competição destinada a jogadores residentes, é patrocinada pela cadeia de televisão norte-americana FOX Sports.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.