Numa cerimónia que hoje decorreu na sede do Comité Organizador Local (COL), em Joanesburgo, embaixadores e representantes dos países participantes e responsáveis do comité organizador e da FIFA procederam ao hastear dos símbolos das 32 nações que lutarão pelo título mundial de selecções a partir de Junho do próximo ano em nove cidades sul-africanas.

“Saudamos todas as selecções que agora se qualificaram para o Mundial FIFA 2010. Para nós, é um momento muito especial e emotivo. Após tantos anos de trabalho duro na preparação deste enorme evento, ele é agora uma realidade tangível”, disse na ocasião o director-executivo do COL, Danny Jordaan, que confessou aguardar ansiosamente pela chegada das selecções apuradas.

O embaixador de Portugal na África do Sul, João Ramos Pinto, representou o seu país na cerimónia, posicionando-se junto da bandeira das "quinas" à medida que era hasteada, num cenário que inclui a nova sede do COL e da federação sul-africana de futebol (SAFA) e o Estádio de Soccer City, onde se disputarão, entre outros, o jogo inaugural do Mundial e a sua final.

A 203 dias do pontapé de saída do primeiro Mundial de futebol organizado num país do continente africano, a bandeira de Portugal junta-se às 31 que aspiram ao título mundial de futebol.

Além de Portugal, vão participar no Mundial África do Sul (anfitriã), Nigéria, Camarões, Nova Zelândia, Japão, Holanda, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Austrália, Estados Unidos, Brasil, Gana, Inglaterra, Paraguai, Espanha, Dinamarca, Costa do Marfim, Chile, Alemanha, Itália (campeã em título), México, Sérvia, Suíça, Argentina, Honduras, Eslováquia, Argélia, França, Eslovénia, Grécia e Uruguai.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.