“Venho para trabalhar, acima de tudo, o resto é com o treinador”, disse o defesa Pedro Rodrigues, que alinha nos espanhóis do Aguilas, à chegada à concentração da equipa das “quinas”, em Rio Maior.

Estabelecendo como objectivo integrar a selecção lusa nos torneios da Madeira e de Toulon, Pedro Rodrigues classificou a sua convocatória como um “momento importante”.

“É a melhor coisa que um jogador pode ter, vou tentar aproveitar ao máximo, dar o meu melhor para que as coisas corram bem e que esta chamada não seja em vão”, afirmou.

Também o guarda-redes Pedro Velho, do Vizela, disponibilizou-se para “trabalhar”, tendo em vista “subir o mais rápido possível”, depois de integrar pela primeira vez a selecção de sub-20.

“Fiquei muito contente com a convocatória, porque sempre sonhei em vir à selecção. Agora, quero mostrar o que sei para ver se volto mais vezes”, explicou o avançado Tiago Correia, do Estrela da Amadora.

Antevendo o estágio de dois dias, o seleccionador português de sub-20, Paulo Alves, estabeleceu como metas: “Continuar a preparação da equipa, para formar um grupo cada vez mais forte, consistente e mais identificado com os processos que temos em mente”.

Dos 23 convocados, o técnico não vai contar com os lesionados André Pires (Belenenses), Ludovic (Feirense) e Diogo Rosado (Real Massamá), que foram dispensados, tal como o médio Fredy (Belenenses).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.