Tendo em conta que o apuramento para o Mundial da Alemanha rendeu 4,6 milhões de euros, a qualificação de Portugal para a África do Sul deverá garantir uma valor acima dos cinco milhões de euros.

O apuramento para a última edição do Mundial de futebol, realizado na Alemanha, em 2006, garantiu a cada uma das 32 selecções finalistas um prémio de 4,6 milhões de euros.

Desta verba, a FIFA canalizou com antecedência pouco mais de 600 000 euros como forma de financiamento à preparação das selecções, distribuindo posteriormente cerca de 1,3 milhões de euros por cada jogo disputado na fase de grupos (total de quatro milhões pelos três encontros).

O apuramento para a fase a eliminar valeu na Alemanha mais 5,6 milhões de euros, enquanto as equipas que conseguiram atingir o grupo das oito melhores da prova arrecadaram 7,6 milhões.

Disputadas as meias-finais, os derrotados receberam um cheque de 14,2 milhões de euros, verba que entrou nos cofres da Federação Portuguesa de Futebol pelo quarto lugar final de Portugal (que arrecadou um total de quase 19 milhões de euros, contabilizando os 4,6 milhões iniciais).

Por se ter sagrado campeã mundial, a Itália recebeu um total de 20,8 milhões de euros (16,2 pelo título), enquanto a vice-campeã França fez uma campanha que rendeu 19,4 milhões.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.