Os sócios ordinários da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) reúnem-se hoje em Assembleia-Geral (AG) para discutir e votar o regulamento eleitoral decorrente do projecto de adaptação dos estatutos do organismo ao Regime Jurídico das Federações Desportivas (RJFD).

Apesar de o regulamento eleitoral ser «parte integrante dos estatutos da FPF», os três artigos do projecto de estatutos que foram chumbados em 19 de Março só poderão voltar a ser reapreciados se for apresentado um requerimento para o fazer e, «estando presentes todos os sócios ordinários, estes decidam fazê-lo por unanimidade», segundo os estatutos da FPF em vigor.

Caso não exista esta concordância, será necessária a convocação de uma nova AG, disse à agência Lusa uma fonte do movimento associativo, acrescentando que os sócios ordinários retomam a AG de 19 de Março para concluir a ordem de trabalhos com a «discussão, apreciação e votação do regulamento eleitoral da FPF».

Isto porque, depois de aprovar os estatutos na generalidade, naquele dia, a reunião magna foi interrompida após o chumbo na especialidade das alíneas que definem a composição e proporcionalidade da AG e a aplicação do método de Hondt na eleição para os conselhos de Arbitragem, Disciplina, Justiça e Fiscal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.