A selecção portuguesa de futebol de sub-20 empatou hoje a três golos em França, depois de estar a perder ao intervalo por 2-0, em jogo de preparação para o Mundial de 2011, na Colômbia.
Uma enérgica reacção da seleção das “quinas” na segunda parte permitiu a Portugal operar a reviravolta, que começou a ser concebida aos 49 minutos, quando Nelson Oliveira (jogador emprestado pelo Benfica ao Paços de Ferreira), uma das figuras da partida, fez o primeiro golo de Portugal.
A equipa lusa dava sinais claros de querer mudar o rumo dos acontecimentos, mas seria a França, aos 67 minutos, a estar próxima do terceiro golo, quando, na sequência de um canto, a bola embateu no poste da baliza de Cláudio Ramos.
Na sequência desse lance, a selecção lusa restabeleceria a igualdade no marcador, numa jogada de contra-ataque, com Nelson Oliveira a assistir Alex para o segundo golo.
A surpresa total surgiu a 12 minutos do final, quando Portugal se adiantou pela primeira vez no marcador, mais uma vez por Nelson Oliveira, que dominou a bola no coração da área, após um canto, e “fuzilou” o guarda-redes Marc Vidal.
A selecção das “quinas” foi premiada pela forma corajosa, determinada e inconformada como encarou a desvantagem de dois golos, dando a volta a um resultado negativo perante uma equipa que venceu o último Europeu de Sub-19.
A França sentiu o golpe e lançou-se em busca do empate, o que conseguiria seis minutos depois, através do médio do Lyon Clement Grenier, fixando o 3-3 final.
No entanto, seria Portugal a estar mais próximo do quarto golo, mas o remate de Salvador Agra sairia um pouco alto, por cima da barra.
Na primeira parte, a selecção orientada por Ilídio Vale foi traída por dois erros defensivos grosseiros que lhe custaram dois golos, aos 22 e 29 minutos, por Alexandre Lacazzete e Cedric Bakambu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.