O AC Milan, do português André Silva, venceu este domingo o Bolonha, por 2-1, para a 16.ª jornada da I Liga italiana de futebol, e tirou partido da perda de pontos dos primeiros classificados para subir a sétimo e encurtar diferenças.

Depois de seis das sete equipas classificadas nas posições cimeiras terem empatado, à exceção da Lázio (5.ª), que só joga na segunda-feira com o Torino, o AC Milan não desperdiçou a oportunidade para vencer o Bolonha, com dois golos de Giacomo Bonaventura, e diminuir a diferença.

Com André Silva no banco, lançado aos 68 minutos pelo treinador Ivan Gattuso, o AC Milan chegou à vantagem por Giacomo Bonaventura (1-0), aos 10 minutos, mas o Bolonha, depois de dois ‘avisos’, empatou por Simone Verdi (1-1), aos 23.

Na segunda parte, e já com o internacional português em campo, o AC Milan colocou-se a vencer com novo golo de Giacomo Bonaventura (2-1), aos 76 minutos, ao corresponder de cabeça a um cruzamento de Fabio Borini. No minuto seguinte, o Bolonha ainda rematou à barra por Adam Massina.

O Nápoles desaproveitou a possibilidade de se isolar na liderança do campeonato italiano de futebol, ao empatar 0-0 na receção à Fiorentina, e segue na segunda posição a um ponto do líder Inter de Milão, que no sábado empatou 0-0 com a Juventus.

O encontro do estádio San Paolo teve três portugueses em campo: o lateral esquerdo Mário Rui, que foi totalista na equipa anfitriã, e o defesa Bruno Gaspar e o médio Gil Dias, suplentes utilizados na Fiorentina, sétima classificada.

A Roma, quarta posicionada, não fez melhor do que o trio da frente, ao empatar 0-0 no recinto do Chievo, 10.º colocado.

O Sassuolo venceu o Crotone, por 2-1, com golos de Edoardo Goldaniga (1-0), aos 49 minutos, e Mateo Politano (2-0), aos 61, e ascendeu do 17.º ao 14.º posto, afastando-se da zona de despromoção. O Crotone (17.º) ainda reduziu com um golo na própria baliza por Francesco Acerti (2-1), aos 66 minutos.

O Benevento está cada vez mais mergulhado no último lugar, depois de hoje ter perdido por 2-0 no terreno da Udinese, enquanto o Spal esteve até aos 86 minutos a perder em casa por 2-0 com o Verona, mas conseguiu empatar 2-2, num jogo entre duas equipas na luta pela manutenção.

A 16.ª jornada prossegue segunda-feira com a receção da Lázio ao Torino.

O jogo entre Génova e Atalanta, inicialmente agendado para segunda-feira, foi adiado para terça-feira às 19:00 locais (18:00 em Lisboa) por causa do risco de chuvas intensas.

A Liga italiana tomou a decisão de adiar o jogo por ter recebido a indicação de que um alerta laranja foi lançado por receio de ventos fortes e chuva para segunda-feira na região de Génova.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.