Tolgay Arslan foi uma das figuras do triunfo da surpreendente Udinese sobre o Inter, por 3-1, no passado sábado, tendo mesmo assinado um dos golos da sua equipa, que ocupa o 3.º lugar da tabela classificativa da Serie A.

Porém, a alegria da vitória e do golo foi abalada logo após o final do encontro, com o centrocampista ucraniano a ficar a saber que a sua casa tinha sido assaltada durante o encontro. A residência do jogador encontrava-se sem ninguém, visto que a sua família estava a assistir ao encontro no estádio.

De acordo com relatos da imprensa italiana, os assaltantes terão roubado objetos num valor total a rondar os 12 mil euros, entre material informático e joias.

Arslan cumpre, esta temporada, a sua terceira temporada na Udinese, clube para o qual se transferiu em 2020, oriundo do Fenerbahçe.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.