O Bolonha foi hoje a casa da Roma, treinada pelo português Paulo Fonseca, vencer por 3-2, na abertura da 23.ª jornada da Liga italiana de futebol, e subiu provisoriamente ao sexto lugar, último de acesso às competições europeias.

A segunda derrota seguida para os romanos, e o terceiro jogo sem ganhar na ‘Serie A’, começou com um erro defensivo que permitiu a Orsolini fazer o primeiro, aos 16 minutos, antes de o empate chegar aos 22, num autogolo do holandês Denswil.

Ainda assim, rapidamente os bolonheses voltaram ao comando, com um remate em arco do avançado Barrow, da Gâmbia, quatro minutos depois, antes de o africano ‘bisar’, aos 51, após conduzir um contra-ataque desde o meio campo até ao fundo das redes.

O arménio Mkhitaryan, de cabeça, reduziu aos 72, mas a expulsão do ex-Benfica Cristante, aos 80, limitou as opções da formação de Paulo Fonseca, que continua em quinto, com 39 pontos, e pode ver a Atalanta, quarta com os mesmos pontos, distanciar-se na luta pelos lugares de acesso à Liga dos Campeões.

Para já, o Bolonha ‘escalou’ cinco posições até sexto, com 33, ocupando à condição o último lugar de acesso à Liga Europa.

No sábado, a líder Juventus visita o Verona, 10.º classificado, pelas 19:45, numa 23.ª ronda marcada pelo dérbi entre Inter de Milão e AC Milan, no domingo à mesma hora.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.