Um golo do croata Brozovic, aos 90+4 minutos, deu este sábado a vitória ao Inter de Milão na visita à Sampdoria, na quinta jornada da Liga italiana, subindo ao sétimo lugar da tabela classificativa.

Num jogo equilibrado e no qual João Mário não foi opção para Luciano Spalletti, que acabou por ser expulso do banco do Inter no final do encontro, o tento de Brozovic acabou por fazer a diferença.

O jogo ficou marcado por três momentos em que o vídeoárbitro (VAR) teve de intervir para anular golos às duas equipas, o que ‘inflamou’ os ânimos dentro e fora de campo.

Na primeira parte, o VAR anulou um golo ao belga Nainggolan, e aos 87 minutos, um remate forte de fora da área do ganês Asamoah também não contou, uma vez que a bola tinha saído de campo num momento anterior da jogada.

Do outro lado, aos 89 minutos, a ‘Samp’ também marcou, pelo francês Defrel, numa jogada de contra-ataque, mas o VAR anulou também esse lance, por fora de jogo.

Aos 90+4 minutos, quando o jogo se encaminhava para o último dos minutos de compensação, o croata Marcelo Brozovic fez o 1-0 final, na sequência de um livre.

Os festejos de Luciano Spalletti, aparentemente direcionados para o quarto árbitro, levaram à expulsão do técnico dos ‘nerazzurri’.

Depois da vitória sobre o Tottenham no regresso à Liga dos Campeões, por 2-1, o Inter voltou a vencer e subiu ao sétimo posto à condição, com sete pontos em cinco jogos, com os mesmos pontos da Sampdoria, sexta.

Antes, a Fiorentina aproximou-se da líder Juventus ao vencer o Spal por 3-0, no Artemio Franchi, chegando aos 10 pontos e ao segundo posto, enquanto a ‘surpreendente’ Spal é quinta, com nove.

O croata Pjaca esteve em destaque, ao apontar o primeiro golo, aos 18 minutos, antes de assistir para o terceiro, de Federico Chiesa, aos 56. Pelo meio, aos 28, o sérvio Milenkovic fez o 2-0.

No primeiro jogo do dia, o Parma, com Bruno Alves a titular no eixo da defesa, recebeu e venceu o Cagliari por 2-0, graças a tentos de Inglese (20) e do costa-marfinense Gervinho (47), e subiu ao oitavo lugar à condição, com sete pontos, enquanto os forasteiros seguem provisoriamente no 14.º lugar, com cinco.

No domingo, a Juventus, de Cristiano Ronaldo, procura manter-se na liderança isolada do campeonato na visita ao Frosinone (19:30), enquanto o Nápoles, de Mário Rui, visita o Torino (11:30) à procura de se juntar aos campeões em título na frente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.