A Juventus recebeu e venceu este sábado a Sampdória por 2-1, em partida a contar para a 19ª jornada da Serie A. Num encontro que ficou marcado pelo regresso da 'Vecchia Signora' aos triunfos no campeonato italiano de futebol, a equipa visitante viu um golo ser-lhe anulado já nos descontos.

Cristiano Ronaldo esteve em destaque ao bisar na partida, tornando-se assim no jogador português com mais golos apontados na liga italiana numa só temporada, ultrapassando Rui Barros, que contava com 12 golos apontados na serie A.

Logo ao minuto 2´, o craque português abriu o ativo num remate bem colocado.

À passagem do minuto 33´, Fabio Quagliarella empatou de grande penalidade, depois de o videoárbitro ter alertado para uma mão na bola.

As imagens de vídeo voltaram a ser determinantes na segunda parte, em novo penálti, também por alegado braço na bola, com Cristiano Ronaldo a marcar e a isolar-se na liderança dos marcadores do campeonato, com 14 golos, mais um do que Piatek, do Génova.

O jogo não foi fácil para o árbitro Paolo Valeri, que ainda anulou, uma vez mais com recurso ao VAR, um golo a Saponara, considerando que o lance resultou depois de uma primeira ação em que o futebolista vinha de fora de jogo.

O triunfo, com influência decisiva do videoárbitro (VAR), permitiu à Juventus fechar a primeira volta sem derrotas (17 vitórias e dois empates) e com um recorde de 53 pontos, mais 12 do que o Nápoles, segundo classificado, que ainda hoje recebe o Bolonha.

Entre os jogos que hoje completam a 19.ª jornada, além do Nápoles-Bolonha, realce também para a visita do Inter de Milão ao Empoli, e a deslocação da Roma, adversária do FC Porto na Liga dos Campeões, a Parma.

Veja a classificação completa

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.