A Lazio venceu hoje por 3-0 em casa do Cagliari, na 28.ª jornada da Liga italiana de futebol, liderada pelo Inter Milão, e segue na sétima posição a um ponto da Atalanta e da Roma, quinta e sexta, respetivamente.

Ciro Immobile, aos 19 minutos, na conversão de uma grande penalidade a punir mão de Giorgio Altare, colocou a Lazio em vantagem, fazendo o seu 20.º golo na Serie A, e o espanhol Luis Alberto, aos 42, elevou a vantagem para 2-0, assistido pelo brasileiro Felipe Anderson.

Já na segunda parte, aos 62 minutos, Felipe Anderson, numa jogada individual em velocidade, tirou dois adversários do caminho e fez o 3-0, com um remate já dentro da área do Cagliari sem hipóteses de defesa para o guarda-redes Alesio Cragno.

A Lazio passa a somar 46 pontos na sétima posição, a um da Atalanta (que tem menos um jogo) e da Roma, e com quatro de vantagem sobre a Fiorentina, oitava, com 42, que tem menos dois jogos.

O Cagliari, que vinha de uma série de cinco jogos sem perder na Serie A, segue no 17.º posto, com 25 pontos, sendo a primeira equipa acima da linha de despromoção, com três de vantagem sobre o Venezia (18.º).

A Roma, sem o castigado treinador português José Mourinho no banco, venceu em casa por 1-0 a Atalanta, com um golo do inglês Tammy Abraham, aos 32 minutos, na concretização de uma jogada a três toques, que começou na defesa da Roma, com um lançamento longo, e uma assistência milimétrica de Nicolò Zaniolo.

Depois de três empates consecutivos, os romanos somaram a segunda vitória seguida, numa partida em que o português Sérgio Oliveira saiu do banco aos 84 minutos e que terminou com as equipas reduzidas a 10, por expulsão, já nos descontos, de Marten de Roon e Henrikh Mkhitaryan.

Com a conquista dos três pontos, numa partida em que José Mourinho cumpriu o segundo dos dois jogos de suspensão, a Roma, sexta classificada, encostou à Atalanta, quinta com menos um jogo, com os mesmos 47 pontos, provisoriamente a três da Juventus, quarta.

A Udinese, com o português Beto a titular, venceu em casa por 2-1 a Sampdoria, num regresso às vitórias após dois empates seguidos na Serie A, e segue na 14.ª posição, com 29 pontos, mas menos dois jogos.

O encontro teve um inicio frenético, com a Udinese a chegar à vantagem de 2-0, com golos do espanhol Gerard Deulofeu, aos três minutos, e Destiny Udogie, aos 12, e a Sampdoria a reduzir por Francesco Caputo, aos 13, fixando o resultado final.

A Sampdoria, que somou a segunda derrota consecutiva na Serie A, e que na próxima jornada defronta a Juventus, segue na 16.ª posição, com 26 pontos, com quatro de vantagem sobre a linha de despromoção.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.