O mexicano Hirving Lozano, autor de um golo e também de uma assistência, foi hoje a grande figura na vitória por 2-0 do Nápoles sobre o Empoli, a 10.ª consecutiva do líder da liga italiana de futebol.

Os napolitanos alargam provisoriamente o avanço na prova para nove pontos, com o segundo, o campeão AC Milan, a poder encurtar distância ainda hoje, frente à Cremonese.

Entrado em jogo apenas aos 64 minutos, Lozano 'revolucionou' o jogo, da 14.ª jornada, até então equilibrado, entre um Nápoles dominador e um Empoli (14.º, com 14 pontos) disciplinado e rigoroso a defender.

Lozano começou por marcar, de penálti, aos 69 minutos, no castigo de uma falta sobre Victor Osimhen.

Depois, ganhou uma falta a Sebastiano Luperto, jogador que viu segundo amarelo e foi expulso, aos 74 minutos.

Já perto do fim, aos 88 minutos, o mexicano avançou no terreno e centrou para Piotr Zielinski, que fez o 2-0.

Única equipa sem derrotas na Serie A, com 12 vitórias e dois empates, o Nápoles igualou a sua segunda melhor sequência de sempre (de 2017/2018) e fica a três do registo de Maurizio Sarri, em 2017.

Também hoje, a Udinese, equipa surpresa da primeira fase do campeonato, cedeu um empate (1-1) ante o modesto Spezia - são já seis jogos sem ganhar (cinco empates e uma derrota).

O português Beto foi suplente utilizado na Udinese, entrando aos 55 minutos.

A Udinese segue em oitavo no campeonato, com 24 pontos, a 14 do líder, enquanto o Spezia está no 16.º lugar, dois acima da linha de descida, com 10.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.