O guarda-redes internacional português Rui Patrício foi esta sexta-feira apresentado na AS Roma, onde vai ser treinado por José Mourinho. Ao seu lado na apresentação esteve Tiago Pinto, diretor geral do clube romano, que lembrou a rivalidade que os separava no futebol português.

"É um prazer estar aqui hoje. Desde a minha chegada nunca tive a oportunidade de ter jornalistas aqui presentes. Estamos aqui para apresentar Rui Patrício, mas não há muito a dizer sobre ele. Todos o conhecem, estamos felizes por tê-lo aqui connosco, as equipas que já representou na sua carreira falam por si. Durante muitos anos estive chateado com ele porque eu era do Benfica e ele jogava pelo Sporting. Agora estamos finalmente juntos", referiu Tiago Pinto, citado pelo Tuttomercatoweb.

Rui Patrício foi o primeiro reforço assegurado por José Mourinho e é o novo dono da camisola ‘1’ da Roma, onde chega após três épocas a atuar na 'Premier League', ao serviço do Wolverhampton, pelo qual participou em 127 jogos.

O guarda-redes, que recentemente esteve com a seleção portuguesa no Euro2020, iniciou a carreira no Sporting, mas rescindiu contrato com o clube de Alvalade em junho de 2018, na sequência do ataque à academia de Alcochete.

Poucos meses depois, o clube inglês chegou a acordo com os ‘leões' e pagou 18 milhões de euros pela transferência do guarda-redes internacional português.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto