Tal como Silas, Beto Severo não entende o cartão vermelho mostrado a Yanick Bolasie pelo árbitro Nuno Almeida, na derrota do Sporting frente ao SC Braga, na meia-final da Taça da Liga. O 'team manager' dos 'leões'.

"Apanhei um balneário destroçado e revoltado com o que aconteceu na segunda parte. Hoje em dia é muito fácil… É uma vergonha a facilidade com que se expulsa um jogador do Sporting. No lance corrido podem ver que os dois jogadores escorregam [Bolasie com Sequeira] e o choque é inevitável, não foi feito com maldade", explicou o dirigente do Sporting, na zona mista do Municipal de Braga.

Um golo de Paulinho em cima dos 90 minutos permitiu hoje ao Sporting de Braga apurar-se para a final da Taça da Liga de futebol, ao vencer o Sporting por 2-1, no primeiro jogo das 'meias', disputado em Braga. Ricardo Horta adiantou os 'arsenalistas' logo aos oito minutos, tendo o Sporting igualado em cima do intervalo, por intermédio do central Mathieu, aos 44. Numa altura em que a decisão da partida parecia se encaminhar para as grandes penalidades, já depois de o Sporting ter ficado reduzido a 10 devido à expulsão de Bolasie, aos 60, o avançado Paulinho cabeceou para o 2-1, aos 90, garantindo a vitória à equipa bracarense.

O encontro ficou manchado nos instantes finais por uma altercação entre jogadores, depois da expulsão de Mathieu (90+4), tendo ainda sido expulsos o guarda-redes do Braga Eduardo e o jogador 'leonino' Eduardo, que se encontravam no banco das suas equipas.

Na final, agendada para sábado, o Sporting de Braga vai defrontar o vencedor da segunda meia-final, que opõe na quinta-feira o Vitória de Guimarães ao FC Porto, também em Braga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.