O Sporting ficou hoje a um ponto de se qualificar para os quartos de final da Taça da Liga de futebol, ao vencer em casa do Rio Ave, por 2-0, na segunda jornada do Grupo B. Em Vila do Conde, Gonçalo Inácio (62 minutos) e Emmanuel Boateng (73), na própria baliza, deram o triunfo aos 'leões', que, com uma ronda por disputar, passaram a somar seis pontos, mais três do que Rio Ave e Farense e seis do que o Marítimo, já eliminado.

Na última jornada, a 13 de dezembro, o Sporting, que tem grande vantagem na diferença de golos - primeiro critério de desempate -, recebe o Marítimo, enquanto o Rio Ave joga em casa com o Farense, da II Liga.

Veja o resumo

Rúben Amorim fez apenas uma mudança em relação à equipa que goleou o Farense e na baliza, com Adán a render Franco Israel. Nos vila-condenses, Vítor Gomes deu lugar a Samaris.

O primeiro lance de perigo pertenceu ao Sporting. Logo aos três minutos, Porro abriu para Nuno Santos que, já na área, rematou cruzado e rasteiro, mas ao lado da baliza de Jhonatan. Tentou o Rio Ave responder aos 15', numa jogada rápida pela direita, com Leonardo Ruiz a atirar por cima.

Aos 25' o Sporting voltou a criar perigo por Trincão, com este a receber na esquerda e a cruzar para Pedro Gonçalves que falhou o remate na marca de penálti. Depois foi Porro, com um passe em profundidade, a descobrir Paulinho no coração da área, no entanto, o avançado acertou mal na bola que acabou nas mãos de Jhonatan.

Já depois de Leonardo Ruiz voltar a assustar Adán, acabou por ser Nuno Santos a estar mais perto de marcar, na reta final do primeiro tempo: aos 42' rematou de primeira para defesa apertada de Jhonatan, e nos descontos finalizou por cima, depois de uma bola perdida na área vila-condense.

O jogo abriu na segunda parte e aos 59' Trincão falhou de baliza aberta, na recarga a uma defesa de Jhonatan a desvio de Paulinho. No entanto, a pressão dos leões acabou por surtir efeito. Aos 62' o Rio Ave afastou o livre de Porro, mas o Sporting insistiu, com Edwards a cruzar da direita para o cabeceamento certeiro de Gonçalo Inácio.

Veja o golo

Mais tranquila, a equipa de Rúben Amorim teve oportunidade de dilatar a vantagem aos 67', mas Pedro Porro falhou completamento isolado, após passe de Trincão - de enaltecer as duas excelentes defesas de Jhonatan. Logo a seguir, o guardião do Rio Ave voltaria a ser decisivo negando o 2-0 a Paulinho.

Já com Ugarte em campo (de regresso após o Mundial), o Sporting beneficiou de um autogolo dos vila-condenses para dobrar a vantagem em Vila do Conde: livre bem cobrado por Pedro Porro na esquerda e Boateng, de forma involuntária, a introduzir a bola na própria baliza (73').

Veja o 2-0

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.