Vítor Oliveira mostrou-se satisfeito com o empate conseguido na Taça da Liga frente ao Benfica. O técnico do Portimonense ficou contente por aquilo que a sua equipa conseguiu no jogo.

Em declarações citadas pelo jornal Record, o técnico do clube algarvio afirmou que os 'encarnados' nunca dominaram a partida.

"Os meus jogadores estão de parabéns. Fizeram um bom jogo. Sofremos um golo no 1.º minuto, o que é um péssimo indicador e o 2.º por uma falha nossa mas o Benfica nunca esteve muito por cima. Sabíamos que o tempo jogava a nosso favor, que se fizéssemos um golo iríamos aproveitar um bocadinho a intranquilidade que o Benfica vive neste momento. Sabíamos que o apoio da massa associativa não seria o mesmo com o resultado em 2-1 que poderíamos reequilibrar o jogo", começou por dizer.

"O Benfica poderia acusar algum desgaste face aos jogos de Vila do Conde e de Tondela. Foram muito próximos com pouco tempo de recuperação. Tentámos aumentar a intensidade, saindo de uma forma mais segura mas com algum cinismo, sempre com o objetivo da baliza, e acabámos por fazer dois golos. O resultado está de acordo com o que as duas equipas produziram", disse referiu o técnico, que analisou o que pode acontecer no grupo

"Se o SC Braga ganhar fica com 4 pontos. Teremos de vencer em Braga para passar. Se o V. Setúbal fica com 4 e se ganhar fica com 6, o que o apura. É muito muito difícil até porque o Sp. Braga é um opositor extremamente difícil. De qualquer das formas, sabemos que temos de ir para Braga e jogar no limite das nossas capacidades. Vamos jogar e fazer o que fizemos aqui hoje."

O Benfica empatou com o Portimonense esta quarta-feira, somando o segundo empate na fase de grupos da Taça da Liga e está em risco de falhar a passagem às meias finais da prova.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.