A equipa de Restelo entrou bem no jogo, tentando evitar surpresas desagradáveis por parte da formação do Minho, depois de estes terem vencido o Olhanense na terceira eliminatória da Taça de Portugal.

Aos 9 minutos, Ivan marcou o livre, de bola parada, e Beto cabeceou para o fundo da baliza de Vítor Nuno.

A partir daí o Valenciano não se deixou intimidar e tem conseguido boas oportunidades de golo, principalmente nos lances iniciados no corredor direito, seguidos de cruzamentos aéreos para o coração da grande área do Belenenses. Mas falta eficácia aos atletas do Valenciano.

A equipa de Belém, a meio da primeira parte, abrandou o ritmo de jogo, tentando fazer chegar a bola até à área do Valenciano através de cruzamentos longos, evitando o jogo “terra-a-terra”.

Fredy ainda marcou o segundo para o Belenenses, mas o avançado estava em situação irregular.

Irregular também foi o lance do jogador do Valenciano Everton ao tentar empurrar a bola com a mão para dentro da baliza, nos instantes finais da primeira parte.

O Valenciano joga na terceira divisão série A enquanto o Belenenses "troca a bola" na primeira Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.