Segundo dérbi, segunda vitória para Bruno Lage. O Benfica recebeu e venceu, esta quarta-feira, o Sporting por 2-1, naquela que foi a primeira-mão das meias-finais da Taça de Portugal. Gabriel, que se estreou a marcar pelos 'encarnados', e Tiago Ilori, estreante do lado leonino, fizeram os golos do clube da Luz. Bruno Fernandes reduziu a desvantagem leonina com um golaço nos minutos finais.

Em relação ao dérbi do último fim de semana, Bruno Lage fez duas alterações, uma delas forçadas. Mile Svilar entrou para o lugar do castigado Vlachodimos e Eduardo Salvio foi titular na vez de Rafa Silva. Já Marcel Keizer fez várias mudanças no onze do Sporting em relação ao jogo de três dias. Apenas o meio-campo se manteve intacto. O principal destaque vai para a troca de Bas Dost por Luiz Phellype. Para além disso, registam-se ainda as saídas de André Pinto, Jefferson, Raphinha, Nani e as entradas de Ilori, Borja, Jovane Cabral, Luiz Phellype e Acuña.

A primeira chance de grande perigo pertenceu ao Benfica aos 12 minutos. Seferovic corre pelo corredor central e remata forte à entrada área, com a bola a sair muito perto do poste da baliza de Renan.

O Benfica tinha entrado mais pressionante neste início de encontro e o golo da vantagem acabaria por aparecer aos 16 minutos. Transição rápida de ataque conduzida por Salvio, o argentino serve Pizzi, que espera pela chegada de Gabriel. O médio, já dentro de área, fez o primeiro golo ao serviço dos encarnados. Renan ainda tocou na bola, mas o remate do brasileiro foi muito forte.

O Sporting respondeu timidamente ao golo da vantagem dos 'encarnados' e o primeiro calafrio que os 'leões' criaram junto da baliza defendida por Mile Svilar aconteceu apenas à passagem dos 30 minutos do encontro. Jovane Cabral recebeu na direita e cruza atrasado para o remate de Bruno Fernandes, mas o belga defende. Luiz Phellype ainda tenta a recarga, mas é-lhe assinalado o fora-de-jogo.

Ainda antes do intervalo, Bruno Lage foi obrigado a fazer a primeira substituição. O capitão Jardel saiu lesionado e entrou para o seu lugar o jovem Francisco Ferreira. Ferro, como é conhecido no mundo do futebol, fez a sua estreia pela equipa principal dos 'encarnados' e logo num dérbi contra o Sporting.

A segunda parte começou com um futebol pouco interessante e muito faltoso, e com a primeira grande oportunidade de perigo para o Sporting. Wendel arrancou nas costas de Ferro e apareceu na cara de Svilar com a defesa do Benfica a pedir fora de jogo, mas rematou muito ao lado. Antes os jogadores leoninos tinham pedido uma grande penalidade por falta de André Almeida sobre Acuña dentro da área, mas o árbitro Luís Godinho mandou seguir.

Depois disso, o Benfica esteve perto do segundo por intermédio de Rúben Dias. Livre batido por Pizzi, o central encarnado aparece a cabecear na área, mas atira à figura de Renan Ribeiro.

O segundo golo do Benfica acabaria por aparecer aos 64 minutos, com o estreante Tiago Ilori a colocar a bola no fundo da própria baliza. Seferovic mete rasteiro para o segundo poste onde aparece João Félix a cruzar, Ilori tenta o corte e acaba por desviar para a baliza de Renan Ribeiro.

Grimaldo teve nos pés o terceiro da equipa da Luz, mas atirou ao lado do poste da baliza leonina. Cruzamento atrasado de Seferovic para o lateral-espanhol, mas o defesa encarnado tocou mal na bola e esta saiu pela linha de fundo

Wendel voltaria a estar perto de diminuir a desvantagem leonina aos 75 minutos. Cruzamento de Acuña, Luiz Phellype amortece com o peito para Wendel que atira forte, com a bola a rasar o poste da baliza de Svilar.

Bruno Fernandes relançou a partida nos minutos finais, com um golaço aos 82 minutos. Num livre direto em zona frontal, o médio rematou forte de pé direito, com a bola a parar no fundo das redes de Svilar, que não conseguiu evitar o 2-1.

O Sporting ainda voltou a colocar a bola no fundo das redes de Mile Svilar, mas o golo acabaria por ser anulado por falta de Bas Dost sobre o guarda-redes belga.

Com este resultado, o Benfica colocou-se mais perto de um regresso ao Jamor, onde esteve pela última vez na época 2016/17, vencendo o Vitória de Guimarães por 2-1. A segunda-mão desta eliminatória está marcada para o dia 3 de abril no estádio de Alvalade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.