Sérgio Conceição fez, ao início da tarde desta segunda-feira, a antevisão do jogo com o Varzim, dos quartos-de-final da Taça de Portugal. O técnico falou das dificuldades nos jogos da Taça onde os 'pequenos' não têm nada a perder, respondeu às críticas do Benfica, falou dos lesionados e ainda teve tempo para abordar a análise da imprensa à atuação da dupla de centrais formado por Diogo Leite e Chancel Mbemba na vitória por 4-2 frente ao Moreirense

Análise ao Varzim: "O Varzim é uma equipa que não iniciou bem o campeonato, mas, que nos últimos meses, não perdeu fora. É uma equipa talhada para jogar mais contida e explorar os contra-ataques."

Possíveis mudanças no onze: "Temos de olhar para este jogo de forma isolada, sem pensar no jogo que vem a seguir para a Lifa [n.d.r. SC Braga]. É ver que adversário temos, as suas caratéristicas, o que queremos do jogo. Este jogo é a eliminar, como digo sempre, cada jogo tem a sua história. Não há tempo de recuperação: ou passamos ou nada. Infelizmente o Nakajima está fora do próximo jogo por incapacidade física. Tem uma lesão nada bonita de se ver, um hematoma na perna [sofrida frente ao Moreirense]. Excepto Pepe, que já estava na enfermaria, e Corona [castigado], todos estão disponíveis para dar o seu contributo".

Como se prepara um jogo frente a uma equipa que nada tem a perder? "Nas provas internas e excepto meia dúzia de jogos, todas as equipas têm tudo a ganhar e nada a perder connosco, são equipas que não têm o peso e a história do FC Porto. É normal, estamos habituados. Temos de ter respeito pelo Varzim, perceber como é em termos de dinâmica, os pontos fortes com e sem bola, o que é preciso fazer para desmontar aquilo que é a sua organização defensiva, a jogar se calhar com sectores juntos, linhas baixas. Cabe a nós assumir as despesas do jogo, estarmos equilibrados nos momentos defensivos para não sermos surpreendidos Os jogos da Taça de Portugal têm sempre este ambiente diferente e é preciso ser cauteloso".

Possível titularidade de Romário Baró: "É preciso ajustar, como se diz na Fórmula 1, dependendo do momento dos jogadores, do adversário. Dei um mau exemplo na semana passada ao dizer a dupla de centrais [Mbemba e Diogo Leite] para o jogo com o Moreirense".

Críticas do Benfica sobre 'ajudas' de arbitragem ao FC Porto: "Estou aqui para falar de futebol".

É o plantel mais equilibrado que já teve no FC Porto? "Já tivemos planteis equilibrados, com soluções em todas as posições. Fico satisfeito com o que temos neste momento. Este é o ano em que fiquei mais satisfeito nesse sentido".

Críticas a dupla de centrais frente ao Moreirense: "Corrigir os erros faz parte do que acontece nos jogos, fazemos isso sempre, é normal. Em relação a dupla, falei com eles no balneário e disse-lhes que continuava com a mesma opinião que tinha antes. O que eu avalio é o trabalho diário. Há um dia em que corre bem, outros nem isso mas não estou dependente disso para fazer alterações. Eles estão completamente tranquilos em relação a isso.

O FC Porto-Varzim, dos quartos-de-final da Taça de Portugal, está marcado para às 18h00 desta terça-feira, no Estádio do Dragão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.