Estádio Coimbra da Mota cheio num dia inundado de sol. A Amoreira está com lotação esgotada, cerca de 5 mil pessoas, fora as que do morro ou das varandas, tentam vislumbrar o jogo entre o Estoril-Praia e o Sporting, com os da casa a mostrar “fome” de vitória.

O golo apareceu quase no final da primeira parte e foi para o Estoril, quando até àquele momento nem sequer se esteve perto de tal feito. Mas foi a equipa da casa, com um segundo lugar na Liga de Honra e a fazer um bom campeonato, que mais se aproximou do objectivo do jogo e o concretizou.

Aos 35 minutos marcação de livre indirecto do lado direito, a defesa leonina ficou a ver e Alex Afonso a fez o primeiro da partida.

O Sporting tem 45 minutos para inverter o resultado e não ser o primeiro “gigante” tombado na Taça de Portugal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.