Atolado em dívidas e com um pedido de insolvência, o Estrela da Amadora foi afastado da Taça de Portugal pela Federação Portuguesa de Futebol, por utilização irregular de jogadores no jogo frente ao Mafra, na 1.ª eliminatória da competição, nas grandes penalidades.

O Mafra apresentou queixa à Federação e a mesma deu razão ao clube, onde milita o ex-capitão estrelista, Marco Paulo, que agora vai jogar frente ao Odivelas a 3.ª eliminatória da prova, no próximo domingo, às 15:00.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.