O jornal 'Record' avança esta terça-feira que o FC Porto foi sujeito a um controlo antidoping inesperado. As brigadas da ADOP foram ao Olival esta manhã para realizar controlos antidoping a todos os jogadores do plantel de Sérgio Conceição.

Segundo a mesma publicação foram feitos testes à Urina, EPO, sangue e passaporte biológico. Alguns futebolistas fizeram as análises antes da sessão de trabalho e outros cumprirão os mesmos no final.

A sessão de treino começou atrasada devido aos testes a que os jogadores foram sujeitos. Estiveram ausentes nove jogadores, que continuam ainda ausentes devido aos compromissos das seleções: Diogo Leite e Bruno Costa (Portugal Sub-21), Diogo Costa (Portugal Sub-20), Éder Militão (Brasil), Jesús Corona (México), Brahimi (Argélia), Marega (Mali), Chidozie (Nigéria) e Mbemba (RD Congo).

Para compensar as ausências, Sérgio Conceição chamou quatro jogadores da equipa B do FC Porto: o central Justiniano, o médio Rui Pires, o extremo Gleison e o avançado Queta. Além disso, Danilo Pereira e Sérgio Oliveira fizeram apenas trabalho de ginásio - regressaram ontem da seleção nacional.

Já Otávio fez apenas corrida, enquanto Hernâni começou a fazer exercícios com bola, mas mantém-se à margem do treino do restante plantel.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.