O Sporting segue em frente na Taça de Portugal, após vencer o Loures, por 2-1. Bruno Fernandes e Nani fizeram os golos da formação 'leonina', Juninho fez o golo de honra para a equipa que milita no Campeonato de Portugal.

Para este jogo, José Peseiro mexeu em todos os setores da equipa, com destaque para a titularidade de Luc Castaignos na frente de ataque ‘leonina’, ficando Montero no banco. De ressalvar, também, a estreia de Renan Ribeiro a titular e de Marcelo, que somou os primeiros minutos de leão ao peito.

Como seria de esperar, o Sporting teve mais bola, mas deparou-se com um adversário bem organizado defensivamente e com bons argumentos – mérito para André David pela forma como preparou a equipa para este jogo.

Depois de algumas jogadas que evidenciavam a falta de ideias dos homens de Peseiro para romper a linha defensiva do Loures, Bruno Fernandes atirou a rasar o poste aos 18 minutos, na marcação de um livre. Logo a seguir, Jovane Cabral cabeceou para uma boa defesa de Miguel Soares, após cruzamento largo de Jefferson da esquerda.

Por outro lado, o Loures nunca se amedrontou face aos ‘leões’, e ainda tentou assustar Renan aos 30’, com Rodrigo Thompson a atirou para defesa segura do guardião sportinguista, e depois aos 37’, com Elói a cruzar à procura de Rodrigo Thompson, e Marcelo a cortar para canto.

O Sporting foi subindo de rendimento nos últimos minutos, e já depois dos avisos de Marcelo (32’) e Jovane Cabral (38’), acabaria por desatar o nó já perto do intervalo: Bruno Fernandes recebeu a bola a cerca de trinta metros da baliza e disparou um autêntico míssil, com Miguel Soares a deixar a impressão de que podia ter feito mais.

A segunda parte começou com um Sporting mais atrevido, à procura de chegar rapidamente ao 2-0. A oportunidade chegou quando o árbitro assinalou grande penalidade a favor dos ‘verdes e brancos’, a castiga falta na área de Filipe Gaspar sobre Jovane. Chamado a converter, Bruno Fernandes (52) acabou por permitir a defesa de Miguel Soares, que assim se redime do erro no primeiro golo.

A equipa de José Peseiro não desistiu e quatro minutos depois Nani aumentou a vantagem para os ‘leões’: jogada em velocidade de Jovane, que remata para defesa do guardião do Loures. Na recarga, Nani faz uma simulação sobre Lin Cui e depois atira para o 2-0. Com uma curiosidade: em 9 jogos pelo Sporting, o extremo já fez mais golos (4) do que na época passada ao serviço da Lazio (3 golos em 25 jogos).

A formação do Campeonato de Portugal não baixou os braços e aos 64’ Rodrigo Thompson rematou com espaço, com Renan a defender para a frente. Juninho ainda vai à recarga, mas em posição irregular. Respondeu o Sporting através de Luc Castaignos, a desviar a bola do guarda-redes adversário, mas a falhar o remate.

Com o jogo mais controlado, José Peseiro aproveitou para lançar Petrovic para o lugar de Carlos Mané - Nani passou para a direita, com Petrovic a jogar atrás de Gudelj e Bruno Fernandes. Já o Loures, apesar de algum desgaste físico, ainda teve tempo para assustar os 'leões' aos 80': excelente passe a rasgar de Juninho para a desmarcação de Miguel Oliveira, que atira para a defesa de Renan Ribeiro.

Ainda houve oportunidade para o jovem Miguel Luís, de 19 anos, somar os primeiros minutos de leão ao peito, e... para o golo de honra do Loures, aos 90+2, por Juninho. O Sporting segue para a quarta ronda, mas a verdade é que o seu adversário não foi 'pêra doce'.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.