Foram necessários 45 minutos para o Sporting acordar mas apenas 16 para conseguir uma moralizadora goleada. Contudo, o Pescadores entrou disposto a complicar a vida do Sporting, que hoje já deu alguns sinais do 4x3x3 que Carvalhal pretende implementar. Enleados numa rede bem montada, os jogadores leoninos sentiram algumas dificuldades para se libertar das amarras, acusando ainda algum nervosismo.

O golo de Tó-Zé, aos 21 minutos, parecia tornar a noite no Restelo num pesadelo para os adeptos sportinguistas. Já os apoiantes da equipa da margem sul vibravam nas bancadas ao som de cânticos ‘Só mais um’. E Carlos Carvalhal mostrava-se irrequieto no banco.

O perigo surgia apenas por Liedson, que esteve perto do golo em três ocasiões (8’, 27’ e 38’), mas o guarda-redes Nuno Madureira mostrou segurança e atenção.

O jogo chegou com a surpreendente vantagem do Pescadores ao intervalo, mas a história da partida começou a ser reescrita logo no regresso, com a entrada de Hélder Postiga para o lugar do desinspirado Grimi. A troca revelou-se decisiva, uma vez que o avançado deu maior dinâmica e um novo fôlego à equipa.

Com efeito, Miguel Veloso, na conversão superior de um livre aos 52 minutos, assinou o empate e deu uma maior tranquilidade aos colegas. O médio, que passou para lateral-esquerdo na segunda parte, foi fulcral na vitória.

Adivinhava-se o crescimento dos leões. Dito e feito. Liedson foi agarrado na área do Pescadores aos 57 minutos. Acto contínuo, penálti e golo de João Moutinho, consumando a reviravolta. Aos 63’, Miguel Veloso voltou a surgir na área para desequilibrar e assinou o terceiro tento, de pé direito, após passe de Liedson. Cinco minutos volvidos, foi a vez do Levezinho inscrever o seu nome na ficha de jogo, desviando na pequena área um cruzamento de Vukcevic. Estava feito o 4-1, que já não se alterou até ao apito final.

A única mancha nos leões foi a expulsão de Tonel, que o deixa de fora do dérbi com o Benfica na próxima jornada da Liga.

Nem tudo foi diferente na estreia do sucessor de Paulo Bento, mas já se vislumbraram algumas novidades, nomeadamente a aposta reforçada nos flancos e as ‘pazes’ com os adeptos, que hoje fizeram sentir a sua voz no apoio incessante à equipa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.