O Chelsea é o adversário do FC Porto na final da Liga dos Campeões de sub-19. Os londrinos venceram o Barcelona por 4-3 no desempate por grandes penalidades, depois de um 2-2 nos 90 minutos. De recordar que não há prolongamento na prova. Na outra meia-final o FC Porto bateu o Hoffenheim por 3-0. Esta é a quarta-final do Chelsea nesta prova da UEFA, onde conta com duas vitórias em sete edições.

Frente-a-frente estavam a duas equipas que disputaram a final na época passada, ganha pelos jovens catalãs. Foi a equipa espanhola a primeira a marcar por Anssumane Fati, aos 20 minutos, numa finalização dentro da área.

No segundo tempo os londrinos empataram aos 66 minutos por McCormick 66, depois de uma 'oferta' do guarda-redes catalão. Mas três minutos depois o Barça voltou a ganhar dianteira no marcador, novamente por Fati, em nova finalização dentro da área londrina.

Num jogo onde a equipa espanhola cometeu vários erros defensivos, os londrinos vão empatar aos 85 minutos por Charlie Brown, num lance onde o Barcelona ficou a pedir fora-de-jogo. O jogador do Chelsea igualou Borja Mayoral e Roberto Núñez no top dos melhores marcadores da UEFA Youth League com 15 golos. Este foi o seu 12.º golo nesta edição, igualando máximo assim o máximo estabelecido na prova por Dominic Solanke, também do Chelsea.

No desempate por grandes penalidades, o Barcelona falhou dois remates, o Chelsea um. Os londrinos vão defrontar o FC Porto na final, equipa que, na época passada, perdeu na meia-final com os 'blues', nas grandes penalidades.

É a primeira vez que o FC Porto chega a final desta prova, onde o Benfica já esteve. Portugal vai tentar assim o seu primeiro troféu na Champions de sub-19.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.