O Comité Organizador dos Jogos Olímpicos Los Angeles2028 anunciou hoje que o programa de desporto jovem ‘PlayLA’, parte integral do legado pretendido naquela cidade norte-americana, já arrancou e terá uma dotação de cerca de 141 milhões de euros.

“O programa ‘PlayLA’ foi lançado no início do mês e é possível pelo acordo entre Los Angeles2028 e o Comité Olímpico Internacional (COI), [...] com até 160 milhões de dólares [cerca de 141 milhões de euros] investido no desporto jovem a nível local até à realização dos Jogos”, pode ler-se numa nota do COI após uma reunião entre as duas partes.

Além das várias “parcerias comerciais” e o sucesso na frente financeira, o organismo que rege o movimento olímpico destaca o aumento de “diversidade comunitária” entre as forças que apoiam o evento, bem como o crescimento para mais de uma centena de profissionais empregados na organização, a começar pela nova diretora-executiva, Kathy Carter.

Os Jogos estão a ser preparados com uma década de antecedência, após a confirmação em 2018, e a primeira reunião desde outubro de 2020, em mais de um ano, mostrou “progresso encorajador”, destacou a presidente da Comissão de Coordenação do COI, Nicole Hoevertsz.

“Los Angeles2028 fez grandes progressos com o arranque do ‘PlayLA’ e o estabelecimento da Comissão de Atletas. [...] Considerando tudo o que já foi alcançado, dá-nos grande crença no trabalho que estamos a fazer, juntos, em prol de uma experiência olímpica inesquecível em 2028”, explicou, citada em comunicado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.