A judoca portuguesa Joana Ramos foi afastada no segundo combate nos Europeus de Lisboa pela vice-campeã olímpica e campeã europeia em título nos -52 kg, a italiana Odette Giuffrida.

Joana Ramos, medalha de bronze nos Europeus em 2017 e prata em 2011, perdeu já no ponto de ouro, prolongamento do combate após os quatro minutos iniciais, ao sofrer um terceiro castigo, que ditou o ‘ippon’ e a sua eliminação.

No arranque da competição na Altice Arena, Joana Ramos, 21.ª do mundo, tinha vencido por ‘ippon’ a georgiana Tetiana Levytska-Shukvani (30ª), mas o seu segundo combate, com Giuffrida, quarta do mundo, era de exigência máxima.

Praticamente ao mesmo tempo, no tapete 3, Catarina Costa, nos -48 kg, protagonizou a desilusão da manhã, com a judoca, oitava do ‘ranking’, a perder ao primeiro combate com a russa Sabina Giliazova, por ‘ippon’, a 1.50 do final.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.